Blog

Explore nosso conteúdo e crie novas possibilidades!

O que esperar dos podcasts em 2022?

2021 foi, definitivamente, o ano dos podcasts. A “onda” de programas se fortaleceu muito no ano passado e esta forma de consumir conteúdo definitivamente está na preferência dos brasileiros. E nós falamos sobre isso aqui já no blog!

A própria Artes Filmes apostou fortemente nesse mercado. No início do segundo semestre, a produtora lançou o ATCast, um canal de podcasts com transmissão ao vivo pelo Youtube. São vários programas, dos mais diversos assuntos, gravados em estúdio próprio e especialmente preparado para o formato.

E a aposta segue firme este ano. Este mês, o canal estreou no ATCast o Big Cast, um programa exclusivo para falar do programa de maior audiência da TV brasileira, e outras novidades já estão sendo preparadas.

Mas afinal, ainda dá para inovar neste formato? Sim, dá!

Os podcasts serão cada vez um conteúdo mais democrático e, por isso, serão um formato procurado por diversos segmentos do mercado, como esportivo, negócios, entretenimento, jurídico, dentre outros. E isso tem um motivo: uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Podcasters (AbPod) em parceria com o Ibope Inteligência levantou que 50 milhões de brasileiros já ouviram algum podcast. Isso corresponde a cerca de 40% dos 120 milhões de pessoas que têm acesso à internet no país. Isso coloca o Brasil no segundo lugar do ranking de países que mais consomem podcasts, perdendo apenas para os Estados Unidos.

E com o fortalecimento do mercado de podcasts, cresce também a abertura para publicidade digital neste meio. Afinal, os programas contam com uma audiência altamente engajada.

O Spotify realizou uma pesquisa que prova que os podcasts demonstraram que são um ambiente particularmente eficaz para os anúncios: 41% de todos os ouvintes dizem que confiam mais nos anúncios se os escutarem durante um podcast e 81% afirmam que realizaram alguma ação após escutar um anúncio em um podcast.

Paralelamente a isso, devemos assistir a cada vez mais marcas lançando seus podcasts próprios. Empresas como a Azul Linhas Aéreas, Heineken e Natura já têm seus programas e a tendência é que cada vez mais marcas apostem neste tipo de conteúdo. Dessa forma, é possível criar campanhas colaborativas e alinhadas com o público e, inclusive, participar de discussões importantes na sociedade.

O que esperar então para esse ano? A verdade é que quando o assunto é podcasts, as oportunidades são as melhores possíveis. E quanto mais conteúdo, melhor!

Tags: Inspiração , Mercado de Vídeos

Artes Filmes